IR MEI Conta Bancária PJ

Olá, sou MEI, no ano passado tive um faturamento e lucro superior a 35 mil reais, porém todo o dinheiro ficou na conta bancária MEI, e não em minha conta pessoal. A dúvida é, eu tenho que realizar a declaração de IRPF desse dinheiro que estava na conta bancária PJ? Pois como disse, o dinheiro não estava em minha conta bancária pessoal, e sim na conta bancária MEI. Foi somente esse ano que transferi todo dinheiro da conta MEI para minha conta pessoal.

2 Curtidas

Olá @eduardosikobakk! Tudo bem?

Seja bem vindo à nossa Comunidade!

O que deve ser informado em seu Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), é o faturamento.

Deve ser informado que possui uma empresa de formato MEI, como sócio ou proprietário, em seguida calcular a parcela isenta do lucro, as alíquotas para fazer esse cálculo são:

  • 8% da receita bruta para comércio, indústria e transporte de carga.
  • 16% da receita bruta para transporte de passageiros.
  • 32% da receita bruta para serviços em geral.

Por exemplo: seu lucro da MEI foi de R$35.000,00 de uma MEI por prestação de serviço, se aplica a parcela isenta de 32%. Nesse caso ficaria na ficha “Rendimentos Recebidos de Pesssoa Jurídica” o valor de R$23.800 e na ficha “Renimentos Isentos e não Tributáveis” e, o valor isento de R$11.200,00 com código “09 - Lucros e dividendos recebidos”.

No caso do valor da Conta Bancária da MEI, Não entra em sua declaração Pessoa Física.
No seu IRPF apenas contas Bancárias vínculadas ao seu CPF, solciitando ao Banco o seu INFORME DE RENDIMENTOS 2020, que já consta os dados a ser lançados.

Espero ter ajudado!

Mais alguma dúvida? Deixe nos comentários abaixo que estaremos respondendo. :slight_smile:

1 Curtida

No meu caso, como eu não possuo “Rendimentos Recebidos de Pessoa Jurídica” no ano de 2020, eu não terei que preencher essa ficha, pois como disse, o dinheiro ficou todo na conta PJ, correto?

1 Curtida

Olá, @eduardosikobakk.

No seu caso, em se tratando de MEI, entende-se que todo o faturamento da empresa é rendimento para a pessoa física. Por isso é necessário informar a ficha de rendimentos “recebidos de pessoa jurídica” conforme os percentuais/tipo de atividade citados anteriormente.

Isso significa que, independentemente de você ter transferido o dinheiro da conta PJ pra PF, você precisa reconhecer que houve rendimentos tributáveis e isentos na sua declaração.

Obrigado.

2 Curtidas

No caso @eduardosikobakk, você se encaixa como Microempreendedor e deve informar sim, esses dados de FATURAMENTO nos campos que eu citei acima. Independente se o dinheiro foi depositado em conta Bancária em seu CPF ou CNPJ.

Já as contas Bancárias, como citei, só entram no IRPF 2021, as que estiver no CPF do contribuiente.

Espero ter ajudado! :purple_heart:

1 Curtida